Ir para conteúdo

  • radbr
  • facebook
  • twitter
  • youtube

Foto

[Halloween] Concurso de Histórias - Murder Mystery 2023


  • Este tópico está fechado Este tópico está fechado
15 respostas neste tópico

#1 OFFLINE   Triss

Triss

    Duque


  • Colaborador
    • Member ID: 45431
  • 199 posts
  • 52 topics
    • Tempo Online: 3d 22h 32m 14s
  • Vocação:Paladin
  • Char:(CM) Triss
  • Servidor:Perseus

Postado 04 November 2023 - 21:59

tjc2Bj0.png

 

 
pumpkin-symbol.png Você é bom com contos de mistério?
Arrepiar cada leitor, instigando um caso aparentemente sem saída sobre um segredo ou uma morte onde o culpado não é tão óbvio quanto parece?
Tem tanto espírito do horror e do susto dentro de você que a canetada com assassinatos em série e adrenalina é facinha, facinha? 
Então chegou a sua hora!   :ahhh: 
 
pumpkin-symbol.png A inspiração dos nossos escritores mais afiados vem ser testada mais uma vez...
Novamente com uma verdadeira biblioteca de contos de terror e mistérios para mostrar quem é bom de WHODDUNIT... O próximo ou a próxima Agatha Christie?!  :118: 

Vem você também contribuir com parágrafos mais que assustadores, para ajudar nos mirabolantes Murder Mysteries de deixar qualquer um na beira do assento, do Capítulo II do Halloween 2023: prove seus dotes de escritor de terror e mistério com o Concurso de Histórias: Murder Mystery 2023!   :ph34r:

 
 

PBqBbee.png

 

 

 

35e5dRH.png

 

 

  • O concurso terá como intuito premiar as três melhores histórias inscritas, levando em consideração criatividade, originalidade, apresentação da ideia central, contexto (pela articulação entre fatores de RPG, história, e mitologia, e contextualização do RadBR como base), articulação do tema obrigatório, e progressão de ideias e história; 
     
  • O tema, obrigatório, é ASSASSINATO & MISTÉRIO - sendo fundamental e obrigatória a criação de histórias com base direta ou tangente ao RadBr, sua história, seus contextos e mitologias, e afins, relativos e contextualizados com o Mistério e os elementos narrativos de terror e mistério relacionados.
    Não é necessário que a história seja composta obrigatoriamente em relação ao Evento Halloween 2023 e ao lore nele incluso, embora seja perfeita e plenamente permitido;
     
  • Outros elementos obrigatórios a serem utilizados na composição da história - sendo igualmente vital e obrigatória a presença dos seguintes pontos, endereçados por nomepelo menos uma vez ao longo da história - consistem em:
      • Uma ou mais cidades do RadBR; 
      • Uma ou mais criatura presente no RadBR;
      • Um ou mais item presente no RadBR;
      • Um ou mais NPC presente no RadBR.

    rightwards-arrow.png Não serão o critério principal a ser julgado, mas contam na avaliação total em relação a sua articulação com o resto da história e da progressão do tema central. É necessário que haja a menção por nome, de pelo menos um de cada elemento obrigatório (cidade do RadBR, criatura presente no RadBR, item presente no RadBR, e NPC presente no RadBR);
     
  • A história deve ser sua autoria.
    Qualquer caso de plágio detectado não apenas culminará na desqualificação da história inscrita, mas também em punição à conta de usuário do Fórum RadBr pela ocorrência - por meio de 15 (quinze) dias de suspensão;
     
  • A história deve ter um títuloobrigatoriamente;
     
  • A história deve fazer sentido - e ter consistência a termos de começo, meio, e fim;
     
  • É fundamental e obrigatório que a história siga uma linha narrativa e fictícia - elementos reais de suas jornadas podem ser atribuídos e incorporados à história, desde que a mesma seja fictícia e omita nomes e dados reais pessoais de jogadores, estejam esses ativos ou inativos;
     
  • A narrativa pode ser tanto em primeira quanto em terceira pessoas;
     
  • A história deve ser redigida e escrita em português;
     
  • Quantidade mínima de caracteres: 1300 (mil e trezentos caracteres);
     
  • Quantidade máxima de caracteres: 13 000 (treze  mil caracteres);
     
  • Devemos lembrar que todos os caracteres são contabilizados na análise de caracteres mínimos e máximos - incluindo espaçamentos, pontuação, possíveis caracteres especiais para diálogo ou separação, e afins;
     
  • Infelizmente, caso a história tenha um número de caracteres inferior ao limite mínimo (1300) ou superior ao limite máximo (13 000), a mesma será desqualificada;
     
  • Caso tenha dificuldades em saber quantos caracteres sua história possui, basta utilizar o contador automático de caracteres de programas como Microsoft Word - ou contadores online de caracteres, como o QuantasLetras;
     
  • Os caracteres do título não serão contabilizados na contagem de caracteres. 
    Como instruído abaixo, especialmente pelo Modelo de Postagem ilustrado, o título deve ser inscrito em uma categoria à parte da história; portanto, letras, espaçamentos, e afins contidos no título não entram na contagem geral de caracteres da história;
     
  • Cada usuário do Fórum RadBR poderá encaminhar apenas uma história por conta de usuário;
     
  • De igual maneira, cada personagem poderá encaminhar apenas uma história inscrita com vinculação ao char;
     
  • Apenas deverão ser publicados no presente tópico posts contendo a inscrição com a história JÁ PRESENTE
    Quaisquer posts sem conter a inscrição e/ou sem trazer a história devidamente finalizada serão desconsiderados;
     
  • Posts editados, apesar de improváveis, serão desqualificados imediatamente.
    Pedimos que, por favor, revise sua história antes de publicá-la como inscrição; após o encaminhamento do post, o jogador não poderá editá-lo sob hipótese alguma;
     
  • O personagem deverá ter, no mínimo, nível 200 (ou resets) para participar;
     
  • O post, obrigatoriamente, deve seguir o Modelo de Postagem endereçado abaixo - contendo: o nome do personagem, o título da história, e a história em si;
     
  • Organização é um fator que, apesar de não plenamente desqualificativo - desde que a inscrição siga devidamente as presentes regras e informações -, auxilia na avaliação da história. Procure dividir sua história em parágrafos e utilizar de pontuação, sempre que possível e quando julgar necessário;
     
  • Seguindo o ritmo e a finalização das últimas edições, com base na explosão inspiradora de talentos das histórias inscritas, também teremos - e premiaremos! facebook-comments-emoticon-with-heart-ey - 3 (três) Menções Honrosas nessa edição macabra do Concurso de Histórias
     
  • Só poderá ser inscrito 1 (um) personagem por conta do fórum;
     
  • Não serão aceitos posts editados ou duplicados;
     
  • Double Account no fórum caracteriza infração, e pode ser punido com banimento de 1 (um) mês;
     
  • Os posts ficarão invisíveis para os jogadores, mas nós, da Equipe RadBR, poderemos vê-los;
     
  • O personagem pode ser residente de Duskwood;
     
  • Lembrando e reiterando, claro, que as premiações são intransferíveis, e passíveis de obtenção apenas pelo personagem participante inscrito;
     
  • A análise, avaliação e a avaliação das histórias participantes serão realizados em um conclave da Equipe RadBR;
     
  • Dúvidas deverão ser esclarecidas via Ticket. Posts com dúvidas serão apagados imediatamente;
     
  • As regras acima poderão ser alteradas sem aviso prévio.

 

 

6BRj7GW.png

 

 

[info=''Exemplo de Postagem]Nome do personagem:
Título da História:
História:
[/info]

 

 

GI7hiey.png

 

 

[aviso='Programação Concurso de Histórias: Murder Mystery 2023']
Início do Evento: 04/11/2023 (Sábado), às 21:59 (Horário de Brasília)
Término do Evento: 20/11/2023 (Segunda-Feira), às 23:59 (Horário de Brasília)
Resultado: 23/11/2023 (Quinta-Feira, período da noite)[/aviso]

 

 

nBWt32z.png

 

 

 

 

 
 

Boa sorte aos nossos detetives de caneta afiada - mais afiada que qualquer arma aterrorizante dos Serial Killers sinistros do Halloween RadBR:metal:

 

 

Atenciosamente,
Equipe RadBR


  • dorfo e Amaymon curtiram isso

#2 OFFLINE   Masorque

Masorque

    Nobre


  • Membro
    • Member ID: 24020
  • 856 posts
  • 139 topics
    • Tempo Online: 218d 9h 33m 48s
  • Vocação:Royal Paladin
  • Char:Masurq
  • Servidor:Perseus
  • Localização:Por aí.

Postado 05 November 2023 - 03:24

Nome do Personagem: Tyrion

Título da História: O Drama de Wisland

História:

 

O DRAMA DE WISLAND

Neste fim de tarde, enquanto o sol se punha, os cidadãos da grande cidade de Wisland buscavam suas residências para mais um fim de dia. A população se orgulhava do rumo que a cidade finalmente estava tomando. Já não haviam mais crimes, o comércio estava regularizado, os centros médicos sem temores e principalmente as famílias bem estabelecidas. Tudo isso se perdurava até a chegada de Ommni à cidade.

Ommni era um herói aclamado pela população de Duskwood, por manter a segurança e a paz da cidade por muitos anos, até a chegada da monarquia atual. Enfrentava diversas criaturas que porventura atacavam a cidade, mas além disso, ele mantinha a cidade e seus habitantes tranquilos nas noites de ataque. Com a chegada do Príncipe Aquiles à cidade, Ommni sabia que seu dever havia sido cumprido e a cidade estaria muito mais segura, dados os últimos acontecimentos na cidade. Diante desta situação, Ommni, o Príncipe e a população de Duskwood fizeram uma última reunião de agradecimento à Ommni para aceitarem e motivarem seu novo rumo. Ommni partira para o Grande Continente, em direção à cidade de Wisland.

Em seu primeiro dia, Ommni com suas vestes vermelhas era recepcionado pelo Capitão Batata, o barqueiro de Wisland e famoso cidadão da cidade. De imediato, o Capitão entregou-lhe um mapa da cidade, com as principais lojas e locais. Ommni imediatamente foi à loja de mobilias, onde conheceu Toper.

Toper: Seja muito bem vindo, Senhor! Esta é a loja de mobílias de Wisland, como posso ajudá-lo?
Ommni: Saudações. Me chamo Ommni e estou a busca de uma residência, quarto ou local para passar as proximas noites.
Toper: Entendi, meu caro. Infelizmente estamos com pouquíssimas vagas na cidade, e todas muito requisitadas. Posso alocar o Senhor em um quarto provisório, nos fundos de minha residência.
Ommni: Será um prazer aceitar este local. Muito prazer em conhecê-lo, Sr Toper.

Toper leva Ommni até seu novo quarto, onde ficará pelas proximas semanas até sua próxima jornada. Chegando lá, são acertados os detalhes de aluguel e formas de pagamento. Nisso, Toper percebe que Ommni não é uma pessoa qualquer, notando suas vestes e maneira de tratar os assuntos. Sabia que havia algo por trás daquela capa vermelha, tão vermelha quanto o sangue humano, que não estava explicado.

É chegada uma nova noite na cidade, e a população se resguarda em suas residências, exceto por uma única pessoa. Ommni. O grande herói de Duskwood, não conseguira dormir como a população e resolve perambular pelas ruas da cidade para conhecer melhor os locais e lojas, quando ele ouve um grito, vindo dos fundos de uma residência.

******AAAAAAAAAAH*******

Ommni rapidamente procura cobertas para se resguardar e buscar informações sobre o que possa ter provocado o grito. Foi aos fundos da Loja Mágica do Mestre Zixumiru, próximo a um pequeno buraco no cemitério de Wisland, que ele encontra um corpo não identificado, sem marcas de agressão porém com uma poça de sangue... e o que mais intrigava Ommni nessa situação era a expressão de pavor em seu rosto. Ommni se desfaz da situação, afinal ele era um recém chegado a uma cidade aparentemente sem crimes, volta à sua residência com todas as informações e aguarda pelo amanhecer.

*JORNAL DE WISLAND INFORMA: Foi encontrado ASSASSINADO no Cemitério de Wisland, o Senhor Elias Catatudu, pai do jovem Comerciante Catatudu, de Tanaris. Mais informações ainda estão sendo investigadas pela patrulha local.*

A patrulha poucas informações conseguira, dadas as circunstâncias do ocorrido, porém o que intrigou Ommni foi que não haviam pertences, marcas de luta ou qualquer indício de assassinato. Foi algo premeditado. Algo muito elaborado para que não fosse descoberto por ninguém. Mas a chegada do Herói de Duskwood, em Wisland, mudaria os rumos da cidade para toda a eternidade.

Toper prontamente chega à Ommni e o questiona: "Senhor Ommni, bom dia! Ou não tão bom... O Senhor ficou sabendo do corpo encontrado no Cemitério? Parece que alguém tentou enterrar alguém vivo lá... desculpe minha insensibilidade, isso raramente ocorre por aqui." Ommni o responde: "Bom dia, Toper. Descobri agora lendo o jornal. Infelizmente não conhecia o senhor falecido, mas mandarei condolências ao Catatudu, de Tanaris." Toper se retira e vai abrir sua loja, enquanto Ommni caminha até o cemitério, onde começaria a buscar informações junto à patrulha.

 

Ommni: "Patrulheiros, bom dia. Sou Ommni, Herói de Duskwood e gostaria de ajudar nesse caso. Se houver alguma maneira que eu possa ajudar, estarei a disposição."

Chefe da Patrulha: "Bom dia, Senhor! Você pode ajudar ficando bem longe desta cena de crime. Agradecemos muito."

Ommni: "Como o senhor preferir. Vejo vocês em breve!"

Dado o diálogo com o Chefe da Patrulha, Ommni rapidamente percebeu que havia algo estranho com ele. Continuada sua observação, ele nota que por diversas vezes o Chefe da Patrulha busca conversar com um homem misterioso, de capa preta, aparentemente sobre o caso. Era o Lixeiro do Depot, o responsável por limpar, não só o depósito, mas toda a cidade. O que causou mais estranhamento à Ommni. Será que o Chefe da Patrulha pediu ao Lixeiro "limpar a cena do crime"? Mais um caso a ser investigado.

Ommni se dirije à loja de alimentos do Sr. Lector, e durante suas compras, percebe uma grata conversa entre o Sr Homem Vermelho e seu cúmplice, Sr Homem Pássaro. Eles estavam falando sobre o caso de vingança do Sr Governador contra um velho conhecido da cidade.. Ommni rapidamente interrompe a conversa questionando sobre o Governador ter algum contato com o Lixeiro e instantaneamente os larápios caem na gargalhada... "Hahahahah, você não sabe da melhor?" - disse Homem Vermelho. "SIM!! Hahahah, o Governador e o Lixeiro são A MESMA PESSOA" - disse o Homem Pássaro. Indagado com todas essas informações, Ommni se reserva ao direito de buscar sua residência para processar todas as informações...

Seria então, o Governador/Lixeiro conversando com o Chefe da Patrulha sobre ele limpar a cena do crime que o próprio ordenou? Seria o Chefe da Patrulha o executor do crime? Seria o Sr Elias Catatudu, o maior inimigo do Governador? Ou tudo isso seria o caos criado por uma força maligna? São muitas perguntas sem respostas, e Ommni estava à beira da loucura.

Quase anoitecendo, Ommni ouve o sino da igreja e se direciona ao Sr. John Constantine para ouvir a mensagem do dia.

 

"CHAOS. ALERT. DANGER. THE BLUE WAS INVOKED. RUN AWAY."

Ommni: "O que é isso? A mensagem do dia não deveria ser em nossa língua?"
John Constantine: "Foram essas palavras que o Deus, diretamente do deserto de Windywaste nos mandou. O último infernalista que o encontrou disse que as respostas estão nessa Assassin Dagger."

Ommni pega a adaga da mão de John, e retorna para sua residência. Ao chegar, ele percebe que todos os seus pertences estavam revirados.. por sorte ele ainda havia os jornais recebidos que ficavam guardados dentro de sua lareira. Juntando todas as informações que tinha, Ommni corre para a casa de Toper e o questiona.

Ommni: "Toper, boa noite. Desculpe incomodá-lo a esta hora. Onde fica a casa do Chefe da Patrulha?"

Toper: "Você é louco? O Chefe da Patrulha mora ao lado do Castelo de Wisland, onde reside o Governador. Lá a segurança é gigantesca!"

Ommni: "Pouco me importo, Toper. Meu quarto foi invadido, tudo está vasculhado. Ninguém esteve em meu caminho, fora o Chefe da Patrulha. Vou investigar. Boa noite."

O Castelo ficava à norte da cidade, onde ninguém chegava sem ser visto. E com isso, Ommni percebeu ser impossível sua ida à casa do Chefe, a não ser que houvesse um pedido nobre. Foi aí que o pacto com o Príncipe Aquiles veio a tona. Ommni levara seu tratado de cavalheiros com o Príncipe, e buscava uma reunião com o Governador. Era tarde da noite e o Governador já estava prestes a se recolher, mas mesmo assim recebeu Ommni em sua residência.

Governador: "Boa noite, Herói Ommni. O que o trás aqui, neste horário?"
Ommni: "Governador. Primeiramente, desculpe incomodá-lo a este horário. Minha residência foi invadida e vasculhada, e tenho pensamentos fortes sobre o que pode ter acontecido. Espero que o Senhor possa fazer algo a respeito, visto que a única pessoa que foi afrontoso comigo, foi o Chefe de Patrulha."
Governador: "Oras! Você vem em minha residência, a esta hora, insultar minha equipe? Saia daqui imediatamente, seu heróizinho de cidade mediana."
Ommni: "Não me entenda mal, Governador. Tenha uma boa noite."

Em sua saída da residência, Ommni solicita a um dos guardas do castelo que fosse escoltado até sua casa, porém o pedido foi negado. Voltou a solicitar que fosse acompanhado, e os guardas apenas repetiam: "Fomos ordenados a não sair do castelo." - Ommni prontamente sabia que o pior estava por vir.

No seu trajeto, as luzes da cidade começavam a falhar, o vento soprára mais forte e os lobos uivavam cada vez mais alto. Ommni acelerava seu passo, quando nas árvores em que passava as folhas caíam. Alguém o acompanhava, e ele já sabia disso. Rapidamente, Ommni deixa a Assassin Dagger que John o entregou mais cedo em mãos e analisava cada um de seus passos. Passada a loja mágica de Wisland, Ommni se acoberta em uma das paredes e procura quem estava o seguindo: "Uma capa preta? Eu já vi isso antes."

Ommni tenta correr diretamente à loja de Toper, pois lá conheceria cada centímetro e poderia tirar alguma vantagem. Seria lá o embate final. O Chefe da Patrulha encontra Ommni no corredor do prédio principal, e o indaga.

Chefe da Patrulha: "O que você faz aqui, Heróizinho?"

Ommni: "Estava voltando para casa após encontrar o Governador, e notei que você estava me seguindo. O que deseja comigo?"

Chefe da Patrulha: "Fique parado aí, meliante. Irei revistá-lo. Ninguém encontra o Governador a essa noite."

- Durante a revista, o Governador aparece.

Governador: "O QUE ESTÁ ACONTECENDO AQUI?" *saca sua Assassin's Dagger*
Ommni: "Você possui uma Adaga?"
Chefe da Patrulha: "Somente o Governador possui uma Assassin's Dagger."

Ommni ao tentar buscar uma fuga, entra em um embate e derruba o Governador no buraco escondido, embaixo do tapete vermelho que havia no corredor, que funcionava como um caminho ao esgoto, infestado por Slimes. O Chefe da Patrulha e Ommni entram em outro embate e também caem no buraco, onde acidentalmente o Governador apunhala o Chefe da Patrulha. Ommni diante desta situação, nota que não estava sozinho, e Toper estava sempre um passo atrás dele, apontando todas as informações e presenciando todos os fatos. Ele presenciou o Governador apunhalando o Chefe da Patrulha, e isso não ficaria barato. Ommni imediatamente desarmou o Governador, e o aprisionou naquele buraco. No outro dia, Toper buscava o jornal de Wisland para revelar as últimas notícias.

****JORNAL DE WISLAND - PRIMEIRA CAPA     ****
****GOVERNADOR DA CIDADE É APRISIONADO***
****ADMITE TER ASSASSINADO SR CATATUDU  ***
****ASSASSINOU O CHEFE DA PATRULHA!!!     ****



Depois desse dia, a população de Wisland decidiu que semanalmente haveriam eleições para ser Governador da cidade. Todos passaram a fiscalizar os trabalhos de seus companheiros e o Lixeiro do Depot nunca mais foi visto depois desse dia. Ommni ganhara uma casa própria, ao fim da Rua Principal, se aposentou e passou a fornecer sua bênção a todos por um pagamento simbólico. Toper passou a ser o editor do jornal e manteve sua loja de mobílias. O Chefe da Patrulha teve seu sepultamento no Cemitério. Wisland retomava seu caminho, rumo à glória eterna. Mas não se esqueçam, THE ¿BLUEDEMON¿ WAS INVOKED. ¬


  • Lixeiro do Depot curtiu isso

#3 OFFLINE   Barateiro

Barateiro

    Caçador


  • Membro
    • Member ID: 22251
  • 59 posts
  • 2 topics
    • Tempo Online: 35d 40m 31s
  • Vocação:Knight
  • Char:Portugao
  • Servidor:Perseus

Postado 05 November 2023 - 13:35

Nome do personagem: Portugao
 
Título da História: Noite de Halloween
 
Certo dia em uma cidade rica de emoções e acarinhada por todos os seus habitantes e visitantes chamada Wisland, onde o Halloween era celebrado com muito entusiasmo. As ruas estavam decoradas com abóboras iluminadas e spider silks falsas adornando cada cantinho, cada casa e árvore até onde a vista alcança.
Mas esta cidade tinha um mistério que existia há anos pois sempre que era noite de halloween desapareciam pessoas. 
No norte da cidade, existe um castelo antigo, conhecido por sua história arrepiante e sombria. Conta-se que um homem misterioso chamado Golden Angel havia vivido lá e que, certa noite de Halloween, ele desapareceu sem deixar vestígios.
 
Este ano os habitantes organizaram uma festa de halloween no castelo e Hercule Poirot um detetive particular havia recebido uma missão especial naquela noite. Sabendo que o clima sombrio do Dia das Bruxas poderia ajudar a desmascarar o desaparecimento das pessoas. Hercule Poirot se disfarçou e infiltrou na festa de máscaras organizada no antigo castelo.
Enquanto circulava entre as pessoas, Hercule Poirot sentiu os olhos de um misterioso homem sobre ele. Ele usava uma capa castanha, não revelando sua verdadeira identidade. Curioso, decidiu segui-lo pelos corredores do castelo, onde encontrou uma sala estranha com marcas no chão e diversas velas apagadas.
Ao acender as velas, uma trilha de sangue fresco chamou sua atenção, direcionando-o para uma antiga cave onde o assassino o esperava em sua armadilha, e sem dó nem piedade Hercule Poirot se tornou mais uma vítima.
 
Na festa estavam exploradores da cidade que adoravam desafiar-se a explorar o castelo dito por muitos ser "assombrado" durante a noite de Halloween. Diziam que ele estava repleto de skeletons e phantasms à espreita, esperando por novos visitantes.
Um grupo de três fortes guerreiros - Jason Voorhees, Ghostface e Michael Myers - aproveitando a distração da festa decidiu enfrentar o desafio e explorar o castelo a pente fino.
Eles se encontraram na sala principal do castelo onde, vestidos com fantasias assustadoras. Michael Myers estava usando uma máscara arrepiante com seu macacão azul e empunhando seu facalhão, Jason Voorhees usando uma máscara de hóquei e sua machete, Ghostface usando seu disfarçe de Grim Reaper. Pegaram nas suas lanternas e em risos nervosos partiram em exploração do castelo.
 
Ao abrir uma porta, foram recebidos por uma atmosfera sombria e arrepiante. O chão com suas marcas e diversas velas apagadas emanava medo sob seus pés enquanto avançavam pela escuridão. De repente, ouviram um barulho vindo da cave e decidiram investigar.
Ao descerem as escadas, foram invadidos por um arrepio que parecia percorrer sua espinha. Ao entrar na cave, eles se deparam com uma cena macabra: um corpo mutilado estava estendido no chão, rodeado por velas acesas e símbolos sinistros desenhados no chão e nas paredes.
Sem saberem o que se estava a passar reparam que no centro da sala, havia uma antiga mesa de madeira com uma Santa Music Box em cima.
Curiosos, se aproximaram e levantaram a tampa da caixa de música. Assim que uma melodia estranha começou a tocar, uma névoa misteriosa começou a se espalhar pela sala. De repente, a névoa se dissipou e lá estava Golden Angel, o misterioso homem desaparecido há anos.
 
Ele olhou para os guerreiros por um momento e sorriu, dizendo: "Eu tenho sido o assassino que assombra a cidade de Wisland". Sua voz era fria e cheia de um ódio enigmático, enquanto revelava o motivo de seus crimes: vingança. 
O assassino alegou que as pessoas da cidade haviam cometido grandes injustiças contra ele e sua família, causando sua ruína e levando-os à morte. Ele havia retornado para acertar as contas, escolhendo o Dia das Bruxas para fazer justiça.
Nisto acontece algo inesperado e a Witch aparece na frente dos guerreiros rindo e dizendo que estava a usar o Golden Angel como seu fantoche.
 
Os guerreiros irritados com a witch e querendo ajudar o Golden Angel lutam arduamente até que finalmente Jason Voorhees, vê no canto da sala uma wooden stake, e com toda a sua raiva a espeta diretamente no coração da witch, acabando de uma vez por todas com a sua existência. 
Golden Angel explicou que ele fora aprisionado dentro da Santa Music Box pela witch e que ela lhe havia lançado um feitiço obrigando-o a cometer todos os assassinatos e inventando a história de busca de justiça pela família. 
Mas, graças à exploração e vontade de resolver o mistério dos três guerreiros, o feitiço havia sido quebrado ao abrirem a caixa de música e conseguirem libertar seu espírito. 
Agradeçendo-lhes por sua coragem no Halloween, Golden Angel concedeu a cada um deles um desejo especial. Michael Myers desejou que a cidade sempre celebrasse o Halloween com a mesma alegria e entusiasmo. Ghostface desejou nunca mais ter medo do escuro novamente. E Jason Voorhees desejou que Golden Angel finalmente descansasse em paz.
No momento seguinte, Golden Angel desapareceu, deixando para trás apenas uma blessed wooden stake como lembrança. Os três deixaram o castelo, inspirados pela experiência extraordinária que tiveram e com uma nova apreciação pela magia do Halloween.
 
Desde então, Wisland celebra o Halloween com ainda mais fervor, honrando a memória de Golden Angel e sua libertação. E a cada ano, os habitantes e as crianças da cidade se lembram do poder da amizade e da coragem, enquanto vivem novas aventuras assustadoras nesta noite especial.


#4 OFFLINE   Anonymity

Anonymity

    Servo


  • Membro
    • Member ID: 47145
  • 9 posts
  • 4 topics
    • Tempo Online: 4d 4h 26m 7s
  • Vocação:Paladin
  • Char:Anonymity
  • Servidor:Perseus
  • Localização:Duskwood

Postado 05 November 2023 - 15:31

Nome do Personagem : Anonymity

 

Titulo da Historia : A Morte de Paulo

 

Historia : Cá estou eu, navegando por este oceano em uma canoa, até que avisto uma Ilha a minha frente e decido visitar...

Como um bom aventureiro, decido explorar está ilha até que sou Recebido Pelo pescador da Região Leoben, assim que chego e converso com ele por alguns minutos ele me conta
que está estudando para ser um cientista futuramente. Pergunto a ele o nome desta ilha e ele me Fala que se Chama Duskwood.
Ele também me fala um pouco sobre a ilha que foi Descoberta por 3 grandes amigos aventureiros : Paulo Ives e Chagas, Logo ele me conta que Infelizmente um dos 3 Amigos foi acidentalmente morto. 
Pergunto a ele como foi que aconteceu isso?
- infelizmente Paulo foi explorar uma caverna ao sul da ilha e foi soterrado até hoje ninguém nunca descobriu o que realmente aconteceu.
Sabemos que após o ocorrido com Paulo, a cidade Todo ano neste período passa por várias assombrações, terror e medo.
- Pergunto a ele mais o por que? 
- Ele me responde que não se sabe, apenas que Bruxas aterrorizam a ilha tornando o verdadeiro caos na ilha.
- Pergunto a ele onde ficava a casa de Paulo?
- Ele me conta que Fica próximo de lá, numa fazenda ao norte da Ilha, e que sua Mulher Gracelynn mora lá.
Me despeço de Leoben e vou em busca do que aconteceu com Paulo, e o por que as Bruxas provocarem o caos nos moradores da cidade.
 
 
capitulo I : Gracellyn
 
Chegando na fazenda encontro a esposa de Paulo, Gracelynn. Apesar de muito assustada ela me chama para tomar um café, vejo que ela está traumatizada desde a o acidente do seu Marido, ela não fala muito única coisa que ela fala é que a casa dela está sendo invadida por Slimes e me pede ajuda. tento falar com ela sobre seu marido Paulo, vejo que ao tocar no assunto ela fica mais triste ainda, e não me responde nada, então pergunto a ela como era Paulo?
Então ela me responde :
- Paulo era um artista nato!
Lembro-me que quando o conheci, apesar de sua aparência meio ogro, seu carisma encantou.
Musicas, desenhos e poemas lhe tornavam mais que especial.
Infelizmente sua bondade fez lhe pagar com sua própria vida.
 
- Pergunto a ela o que Realmente aconteceu com ele?
Ela me responde :
- Paulo acordou cedo como fazia sempre, cuidava plantação na fazenda e ia explorar o resto da Ilha com sua Picareta, e Corda. Neste dia especial Paulo fez o que ele sempre fazia, mais não retornou mais ao tentar explorar uma Caverna que ele descobriu e que me falou que ao fundo desta caverna provavelmente teria uma mina de Esmeralda.
Até hoje Paulo não retornou. Chagas um grande amigo nosso está oferecendo alguma recompensa para quem trouxer ou souber o paradeiro de Paulo, mais até hoje nenhum guerreiro teve está coragem. Apesar dos perigos e dos boatos que correm pela ilha, acredito de alguma forma que Paulo está me protegendo.
 
- Pergunto onde encontro Chagas?
- Ele é um Comerciante que mora no centro da Ilha...
 
- Agradeço pelo Café oferecido pela Gracelynn e informo a ela que irei trazer noticias sobre Paulo, Ela com um sorrido no rosto, me informa para eu ter cuidado.
 
Capitulo II : Chagas
 
- Rodeado Pelo mistério, vou tentar encontrar Chagas, que chegando ao centro da Ilha me deparo com ele em seu comercio vendendo frutas.
Tento conversar com Chagas, sobre Paulo.
- Paulo é um grande amigo praticamente um irmão, onde ao tentar explorar uma caverna ao sul da ilha, acabou não retornando mais, estamos até hoje tentando buscar pistas ou noticia do que realmente aconteceu com ele, Todos falam que foi um acidente que Paulo foi soterrado ao tentar explorar o local. Estou inclusive pagando uma Recompensa para quem for lá e descobrir alguma coisa.
- Assustado com a história, falo para Chagas que irei até o local onde Paulo está e que iria descobrir de um jeito ou de outro o que realmente aconteceu com Paulo.
- Espantado com a minha coragem, Chagas me dá algumas Frutas, Pá Corda e Picareta e pede para eu ter cuidado.
- Me despeço de Chagas e vou em busca de respostas sobre este Mistério.
 
Capitulo III : A Caverna
 
Após uma Longa caminhada pela floresta ao sul da Ilha de Duskwood, encontro finalmente a caverna onde Paulo havia supostamente desaparecido.
Ao adentrar na caverna vejo que existe algumas criaturas, então com minha Spear, elimino um por um e vou adentrando mais a fundo da caverna.
Chegando ao final da caverna, vejo um Corpo ao chão com algumas ferramentas ao lado e um Bilhete, fico assustado como um corpo poderia está ali tanto tempo, em cima de uma Pedra...
Fico assustado com o que vejo, com as feridas em seu corpo, descubro que Paulo Foi Assassinado ao contrario do que todos pensam.
Pego o Bilhete que está ao lado do seu Corpo, nela contem um relato de Paulo nos seus ultimos minutos de vida.
 
O Bilhete : 
 
- Olá me chamo Paulo, se você está lendo este Bilhete é por que você me encontrou.
Vou te contar um pouco do que aconteceu comigo, estava explorando está caverna, quando fui Atacado por um monstro misterioso chamado Bocão.
Infelizmente estava sem armamento, e não tive chance alguma de defesa ou revidar, acabei sendo abatido por este monstro.
- Perguntei a ele o por que dele está fazendo isto comigo?
- Ele falou Apenas que cumpre ordens da Bruxa.
- Mais que Bruxa?
Minerva Rainha de Todas as Bruxas, Que vive nas profundezas do Cemitério da Ilha, me responde o Monstro Bocão.
- Mais por que ela quer ver o meu fim?
- Ela e suas 2 Filhas Argana e Lestrange, eram os Primeiros Habitantes da Ilha, Antes de Você Ives e Chagas chegarem, com a construção de Vilarejos e casas, Argana e Lestrange correram para a floresta, onde foram Assassinada por Amazons e Valkyrie, Minerva revoltada com o acontecido lançou um Feitiço.
- Mais que Feitiço pergunto ao Bocão?
- Após um Dos 3 Amigos, Paulo Ives ou Chagas serem mortos, todo ano durante o Halloween Suas 2 Filhas Argana e Lestrange São Ressuscitadas, causando o caos na Ilha até algum guerreiro derrota-las.
- Paulo pergunta o por que dele obedecer a Minerva?
- Ele responde que não tem escolha foi Amaldiçoado a isto, a Proteger aquela caverna pois havia muita riquezas em suas profundezas. e o Único jeito de desfazer a Maldição, seria derrotando a Minerva.
- Paulo então pede um ultimo desejo ao Bocão, escrever está relato num Bilhete, na esperança que algum guerreiro um dia o encontre e dê um fim por todo a Minerva.
- o Bocão realiza seu Desejo e Coloca o corpo de Paulo já sem vida em cima de uma Pedra, e o Bilhete junto ao seu corpo.
 
Capitulo IV : A Vingança
 
Abismado com tudo que vi, pego o bilhete e corro para contar ao Chagas, chegando lá ele fica assustado com tudo que Paulo relatou no Bilhete.
Então falo para Chagas que iria derrotar a Minerva e suas 2 Filhas, e que iria trazer de uma vez por todas a Paz para Duskwood Isle.
Chagas me da uma Brocade Backpack, um Presente que Paulo lhe entregou antes de ser Assassinado, como recompensa pela coragem e bravura.
Pergunto a Chagas onde fica o Cemitério, ele me informa que fica ao Norte da Ilha e me pede para ter cuidado, Pois existe um Warlock numa torre vigiando o cemitério impedindo que qualquer pessoa tente chegar nas profundezas do cemitério.
Com a noticia do que havia acontecido com PauloTodos os Guerreiros e Moradores da Ilha se Juntam com uma só Missão
 
Vingar a Morte de Paulo Derrotar a Minerva e Todo o Mal que Assombra a Ilha Durante o Halloween, Assim Acabando com a Maldição e Trazendo a Paz para a Ilha de Uma Vez por Todas.
 
 

  • Medinsk curtiu isso

#5 OFFLINE   RuuaN

RuuaN

    Aristocrata


  • Banido
    • Member ID: 25868
  • 452 posts
  • 65 topics
  • Vocação:Sorcerer
  • Char:Firesz Mage - Andromeda # Master Roxy - Perseus
  • Servidor:Perseus
  • Localização:BH -MG

Postado 06 November 2023 - 11:16

Nome do Personagem: Master Roxy
 
Título da História: O Assassinato na família dos Perseuzeiros
 
Hugo era um renomado detetive particular e criminalista conhecido por sua mente afiada e habilidades investigativas. Sua reputação era tão grande que, quando um misterioso assassinato ocorreu na pequena cidade de Garath, ele foi chamado para desvendar o caso.
 
O crime aconteceu em uma mansão antiga e imponente, onde residia a família rica dos Perseuzeiros. O patriarca Alexander, foi encontrado morto em seu escritório, com uma autumnkin carvin knife cravado no peito. A polícia local estava perplexa, pois não havia sinais de arrombamento e todas as janelas estavam trancadas por dentro.
 
Logo Hugo chegou à mansão e começou a inspecionar o local do crime. Com seu olhar perspicaz, ele percebeu uma marca estranha no tapete, também notou que algumas valiosas obras de arte e joias da família estavam faltando. Aquilo o intrigou, pois o assassinato parecia ter sido motivado por algo além de dinheiro.
 
Começando pela família Perseuzeiros, Hugo começou a interrogar cada um e seus parentes. A Isadora Perseuzeiros, esposa de Alexander, parecia desolada e chocada com a morte do marido, pois não acreditava no que havia acontecido. Seu filho, Wiliam era um jovem calado e introvertido, mas parecia inocente, a filha Carol, demonstrava certo nervosismo e evitava os olhares de Hugo, o que aguçou sua curiosidade.
 
Enquanto investigava, Hugo recebeu uma denúncia anônima de que a irmã mais nova de Carol, Emily, havia presenciado o assassinato e estava traumatizada demais para falar.
Hugo não tinha muito tempo, com o comportamento estranho de Emily, ele tinha certeza de que o culpado estava entre os membros da família. Assim, Hugo decidiu confrontar Carol diretamente.
 
Ao entrar no quarto de Carol, Hugo encontrou um diário escondido debaixo do seu Teddy Bear (urso de pelúcia). Ao folhear suas páginas, ficou perplexo pois estava claro que a jovem estava envolvida em atividades obscuras e era obcecada por um culto secreto. Ela mencionava rituais para invocar poderes sobrenaturais dos Bloody baron, sacrifícios de Morcegos e algumas outras criaturas, Hugo ficou assustado com o que descobriu.
 
Hugo começou a investigar sobre esse culto secreto e revelou seu conhecimento dele para Carol, ela pasma confessou que havia sido encarregada pelo líder do culto de matar seu próprio pai como parte de um ritual macabro. No entanto, ela afirmou que não teria coragem para realizar o ato, e por isso contratou um assassino.
 
Carol começou a confessar que o assassino era um homem chamado James, que trabalhava como faxineiro na mansão, que ele foi subornado pelo culto secreto e aceitou o dinheiro para cometer o assassinato revelou todos os detalhes sobre o assassinato inclusive o local onde escondeu as obras de arte e joias roubadas.
 
Com todas as provas em mãos, Hugo chamou a polícia local e entregou o caso resolvido, incluindo toda a verdade sobre o culto secreto veio à tona e os membros restantes foram presos. A família Perseuzeiros, aliviada por finalmente ver justiça sendo feita, agradeceu a Hugo por sua dedicação e coragem durante a investigação e lhe deu como recompensa por todo o trabalho feito 100 kks em gold.
 
Hugo, satisfeito com o desfecho, partiu de Garath sabendo que havia ajudado a solucionar um dos casos mais misteriosos e obscuros de sua carreira. Ele nunca mais esqueceria daquele assassinato envolto em mistério, uma história que mostrava o quão obscuro e perigoso o mundo poderia ser quando deparado com forças sinistras.
 


#6 OFFLINE   Gabigol

Gabigol

    Servo


  • Membro
    • Member ID: 44221
  • 45 posts
  • 1 topics
    • Tempo Online: 31d 2h 39m 57s
  • Vocação:Nenhuma
  • Char:L
  • Servidor:Perseus

Postado 12 November 2023 - 04:22

Nome do personagem: Yhorm

Título da História: Entre Corpos e Artefatos: Morte aos Assassinos de Moonglade

História:

 

Nas vastas terras de Moonglade, onde o calor do vulcão pulsa sob a superfície da terra, como uma forja ancestral, uma sinistra onda de assassinatos mergulhou os habitantes em um pesadelo. O povo, atormentado pelo terror, desconhecia a identidade ou a natureza das forças por trás dos brutais assassinatos que assolavam o vilarejo. O lamento ecoava pelas ruas enquanto as noites se transformavam em testemunhas silenciosas de uma escuridão que se infiltrava nas fundações de Moonglade.

 

Sob o véu enigmático da noite, um evento abalou a tranquilidade do povo. O filho do comerciante Thyrilsast foi descoberto sem vida na própria loja de artefatos mágicos do pai. Seu corpo, rodeado por runas e pergaminhos, testemunhava não apenas sua morte, mas também o saque impiedoso de itens mágicos valiosos. Em seguida, outro destino trágico, como muitos que aconteceram, desenrolava-se em meio à densa atmosfera local. O destemido cavaleiro Netero foi assassinado cruelmente na colheita próxima à ferraria de seu amigo Timann. Seu corpo foi empalado em uma estaca de madeira, exibindo símbolos enigmáticos gravados em sua armadura, enquanto seu poderoso e emblemático Death Gaze, presenteado por Timann, desapareceu.

 

Durante as madrugadas, alguns moradores observavam, aterrorizados, o rio que separa o vilarejo da floresta dos dragões tingir-se de vermelho, ecoando vozes e tochas acesas na floresta, como se um sombrio ritual estivesse em andamento. Os guardas, impotentes diante da ameaça oculta, responderam com vigílias noturnas e adentrando a floresta em busca de pistas esclarecedoras. Foi o destemido pelotão de Chael Sonnen que descobriu tais pistas, revelando a existência de uma sociedade secreta sedenta por artefatos poderosos, disposta a assassinar para obtê-los.

 

A investigação liderada pelo pelotão de Chael culminou em uma batalha heroica nas profundezas de uma masmorra subterrânea, onde Dark Monks, responsáveis pelos assassinatos, foram enfrentados com bravura. Sob a liderança de um Demônio do Sexto Inferno, esse culto representava uma ameaça significativa para Moonglade. A coragem e a determinação do pelotão prevaleceram, resultando na derrota dos inimigos e na recuperação dos artefatos mágicos roubados, incluindo o Death Gaze, que foi entregue à Chael, como recompensa por sua brava liderança. Com a queda do líder demoníaco e dos Dark Monks, o vilarejo finalmente encontrou sua paz.

 

Entretanto, a sombra do medo persiste. Muitos habitantes de Moonglade, embora gratos pela resolução do mistério e pela restauração da tranquilidade, ainda temem uma possível nova investida. As masmorras que antes abrigavam o mal, permanecem como testemunhas silenciosas da escuridão que um dia assolou a região.



#7 OFFLINE   sehnem

sehnem

    Servo


  • Membro
    • Member ID: 32180
  • 10 posts
  • 0 topics
    • Tempo Online: 4d 6h 35m 15s
  • Vocação:Knight
  • Char:blind vision
  • Servidor:Perseus
  • Localização:tanaris

Postado 15 November 2023 - 23:38

Exemplo de Postagem

Nome do personagem: Eel Brabo
Título da História: Edifício Deluxe: Crime Cultistas o nascimento da escuridão.

História:

   Em uma das calmas e pacatas cidades do Radbr, conhecida por suas suas muralhas e ruas com canteiros de flores, Nighthaven, um escândalo acontece, gritos de horror são ouvidos e um assassinato é escancarado e abala a comunidade. Um dedo de um homem é encontrado pelas ruas da cidade, próximo a um templo sagrado, o misterioso e até então esquecido Edifício Deluxe marca o início de um mistério aterrorizante.      O detetive principal da cidade, o Mr Gladestony, um experiente investigador com suas vestimentas excêntricas especialista em lidar com casos sobrenaturais, cultos e rituais macabros, foi designado para o caso. Ele é auxiliado por sua parceira, Sra Lamovile, especialista em estudar as diversas criaturas, objetos e itens em geral de todo o mundo Radbrtibiano e seus todos os conhecidos universos paralelos. O assassino em questão é notório por esconder os corpos usados em seus crimes em seu apartamento no segundo andar do majestoso Edifício Deluxe.     À medida que a investigação avança, eles descobrem que a partir de um dedo caído, um apartamento repletos de corpos mortos desmembrados, ossadas inteiras de criaturas de diferentes, raças e tamanhos. Uma grande operação fora instalada envolta a este apartamento, um cheiro putrefeito incomodava o detetive e sua auxiliar, ambos estavam preocupado com a magnitude e o terror que tudo isso traria para a pacata cidade de Nighthaven, nem as grandes muralhas que protegem a cidade de Orcs, Behemoths, até mesmo do temido Abyssador foi o suficiente para proteger de um mal que fora cultivado dentro de suas próprias paredes.       A porta do apartamento é detonada e se abre após uma investida de um dos soldados Siegemaster presentes na operação, um carpete branco que lembravam os velhos e lindos filmes de natal, manchados com um rastro de sangue que se estendia em caminho por toda a casa, logo na entrada, um armário aterrorizante lhes dava boas vindas a este misterioso apartamento, fios desencapados próximos ao armário deixavam a inspeção a ele difícil, ainda não se sabe oque havia dentro, quadros na parede que pareciam verdadeiros olhos, em uma ilusão de ótica parecia acompanhar os Detetives, seguindo afundo, uma sala com algumas abóboras com desenhos entalhados é encontrada, amedronta mas não tira a determinação do Detetive e sua equipe. Sra Lamovile avista algumas notas encantadas em uma linguagem que mesmo com seus conhecimentos, não o reconhecia, uma caixa repleta de restos mortais de alguma criatura mística, estava localizada ao centro deste cômodo, os mesmos restos foram usados para adornos no cômodo, como uma lâmpada que iluminava essa cena de um verdadeiro TERROR.    Enquanto isso o destemido detetive Gladystone avançava para o próximo cômodo, encontrava uma bolsa desenhada e personalizada na imagem do assassino mais conhecido dos cinemas, Jason, repleta de sangue e um fedor terrível, outro dedo fora encontrado e uma duvida pairava no ar, como o assassino retalhava suas vitimas? Quais suas intenções?   Mr. Gladestony avança para o próximo cômodo, a sala final do apartamento sinistro no segundo andar do Edifício Deluxe. Ali, ele se depara com uma cena ainda mais aterradora. No canto da sala, umas mesas com restos macabros é erguido com símbolos arcanos e restos mortais, criando uma atmosfera de tensão no ar. Nas mesas, o assassino, vestindo uma capa escura e máscara, realiza um ritual com os dedos cortados das vítimas. A sala está impregnada com uma energia maligna, indicando que algo sobrenatural está prestes a acontecer.   Durante a batalha percebe que o assassino não é apenas um mero homicida, mas um praticante de magia negra, invocando forças sombrias para alcançar seus objetivos. Ao perceber a presença do detetive, o assassino revela seu rosto, um sorriso perturbador e olhos que brilham com uma insanidade sinistra. Ele começa a recitar palavras antigas, invocando criaturas das trevas para defendê-lo. Sombras se materializam, assumindo formas horrendas de criaturas do submundo. A batalha começa, e Mr. Gladestony, munido de sua experiência em lidar com o sobrenatural, enfrenta as criaturas com destemor. Sua parceira, Sra Lamovile, utiliza seus conhecimentos sobre as criaturas e objetos místicos para enfraquecer as sombras e proteger o detetive. A sala se enche com magia e caos. A luta é intensa, com feitiços voando e sombras contorcendo-se. A determinação de Mr. Gladestony e a habilidade de Sra Lamovile são postas à prova diante do mal que se desdobra diante deles.   No auge da batalha, o assassino cultista, desesperado, canaliza toda a energia sombria restante em um último ataque. Mr. Gladestony, com coragem, utiliza um amuleto sagrado que encontrou anteriormente para refletir a energia de volta para o assassino. A explosão mágica consome o vilão e as criaturas sombrias, dissipando a escuridão que pairava sobre Nighthaven. Com o mal derrotado, a sala volta à normalidade. O Edifício Deluxe, uma vez palco de horrores, agora se torna apenas um prédio abandonado e esquecido. Mr. Gladestony e Sra Lamovile, exaustos mas vitoriosos, observam enquanto a paz retorna à pacata cidade de Nighthaven.
  • Medinsk curtiu isso

#8 OFFLINE   Henrry

Henrry

    Servo


  • Membro
    • Member ID: 45120
  • 3 posts
  • 0 topics
    • Tempo Online: 10h 25m 48s
  • Vocação:Lord Drunou
  • Char:Lady Leste
  • Servidor:Perseus

Postado 18 November 2023 - 17:46

Nome do personagem: Ariana Pequena
Título da História: Herança pode custar caro

História:

Herança pode custar caro
 
  Em Moonglade, uma cidade tropical muito bonita, moram duas  jovens e belas irmãs aventureiras,  Ariana Pequena e Lady Leste, elas vivem a brigar por conta de uma herança deixada por sua mãe, tempos atrás eram muito unidas, sua mãe era embaixadora da cidade e juntas cumpriram vários feitos aos cidadãos daquela época. 
  Após o falecimento da mãe delas, houve um desacordo ao dividirem a herança, Lady Leste a irmã mais velha insistia em ficar com a casa onde sempre morou com sua mãe pelo fato de ter cuidado dela até seus últimos dias de vida, Ariana achava que o justo seria vender e dividir o valor igualmente entre elas assim como todo o resto da herança, mas Lady não queria se desapegar das lembranças e da casa onde viveu ao lado de sua mãe. Foi então que Ariana visitou um ancião da cidade o Demônio do sexto inferno, para pedir sua sábia opinião já que ele conhecia a mãe delas muito antes de nascerem, o Demônio disse a Ariana que o justo seria realmente que a casa ficasse para Lady, já que ela quem cuidou de sua falecida até os últimos dias dando a ela todo suporte e cuidado, insatisfeita e pensativa Ariana decidiu buscar ajuda de um grande amigo de aventura que guardava a entrada da cidade, John The Killer conhecido por ser um grande assassino de aluguel, ela não estava disposta a mandar matar sua irmã mas pediu a seu amigo para dar um grande susto nela no intuito que desocupasse a casa, John como era muito ambicioso assim como Ariana aceitou o pedido por uma pequena fortuna a custo de seus serviços.
  No outro dia Ariana foi visitar sua irmã para tentar uma última vez o acordo antes de mandar John cumprir seus serviços, chegando lá ela se depara com Lady morta na sala de jantar e bem ao seu lado ela reparou que tinha uma cleaver suja com sangue, foi então que ela se lembrou que John costumava a usar cleavers em seus assassinatos e imaginou que ele teria a matado, Ariana foi diretamente para a entrada da cidade em busca de John para tirar satisfação sobre o incidente, chegando lá ela se deparou com John conversando de uma maneira muito suspeita  com o Demônio do sexto inferno que dizia estar de passagem, após o Demônio se retirar Ariana questionou o porquê  John teria executado sua irmã, John disse que no dia anterior no mesmo dia em que haviam feito o acordo Lady Leste tinha também o procurado afim de que ele executasse Ariana e obviamente ele não aceitou, ficou quieto e pensativo, Lady não sabia que eles se conheciam então disse que iria procurar outro assassino de aluguel, John então disse a Ariana que matou sua irmã pois ela iria de qualquer forma mandar matá-la, Ariana chorando e incrédula disse que o combinado era para ele apenas assustar sua irmã mas no fundo sabia que se não fosse assim ela estaria  morta, John a consolou e a casa onde ela tinha intensão de vender se tornou seu lar, ela preferiu ficar ali por algum motivo...


#9 OFFLINE   Ging Freecs

Ging Freecs

    Servo


  • Membro
    • Member ID: 42157
  • 46 posts
  • 0 topics
    • Tempo Online: 1d 9h 1m 11s
  • Vocação:Royal Paladin
  • Char:Ghod Serena
  • Servidor:Perseus
  • Localização:Andorhal

Postado 19 November 2023 - 22:01

Nome do personagem: Ging Freecs

 

Título da História: Maldição, Sangue e Ambição: mistérios na escuridão de Nighthaven.

 

História:

 

Na sombria cidade medieval de Nighthaven, conhecida por suas vielas estreitas e segredos ocultos, uma aura de mistério envolvia as histórias sussurradas pelas ruas de paralelepípedos. A atmosfera era densa e o temor pairava no ar. 

Uma respeitável comerciante chamada Eildiana tornou-se o epicentro de uma trama nefasta que envolvia uma adaga amaldiçoada chamada Autumnkin Carvin Knife, um feiticeiro demoníaco conhecido como Ferumbras, e, mais assustadoramente, a sombra do canibalismo. A respeitável Eildiana foi brutalmente assassinada em sua própria residência. Seu corpo foi encontrado com partes mastigadas por dentes afiados, com uma saliva prateada e viscosa. Na cena do crime, foram encontrados também um copo com água ardente e uma garrafa quebrada

 

O detetive Ging Freecs, cuja astúcia rivalizava com a escuridão da cidade, foi convocado para investigar o assassinato de Eildiana. A adaga amaldiçoada cravada em seu peito indicava uma trama mais sinistra do que a maioria poderia imaginar.

 

Enquanto a investigação avançava, Ging mergulhou nos registros sombrios de Nighthaven. Eildiana, uma comerciante aparentemente respeitável, estava envolvida em transações obscuras, incluindo a negociação da temida Autumnkin Carvin Knife e outros artefatos obscuros e sinistros. Rumores sobre um culto esotérico dedicado ao feiticeiro demoníaco Ferumbras circulavam, sugerindo uma conexão entre o sobrenatural e o assassinato brutal.

 

Ao investigar a residência de Eildiana, Ging Freecs observou sinais de ritualismo macabro. A adaga amaldiçoada havia sido cravada no coração da comerciante, suas entranhas haviam sido utilizadas para escrever estranhas inscrições que adornavam as paredes. Cada pista parecia apontar para a presença sinistra do feiticeiro demoníaco Ferumbras.

 

Em seus esforços para desvendar o mistério, o detetive descobriu um Spellbook of Dark Mysteries, um antigo livro que descrevia rituais sombrios e a ligação entre a adaga e o feiticeiro. De acordo com alguns cidadãos, este livro teria sido escrito pelo próprio Hades, o governante do inferno. A medida que escavava mais fundo, ficava claro que alguém estava manipulando as forças ocultas para seus próprios fins nefastos.

 

A cada cena investigada, Ging Freecs descobria um submundo oculto, onde as sombras se moviam à vontade. A adaga, segundo antigas lendas, carregava uma maldição que não apenas tirava a vida da vítima, mas também alimentava uma sede insaciável de Ferumbras por carne humana a fim de satisfazer seus rituais macabros.

 

À medida que Ging se aproximava da verdade, ele percebeu que o assassinato de Eildiana era apenas um capítulo de uma história mais macabra. O feiticeiro demoníaco Ferumbras, ao invés de ser uma mera superstição, emergiu como uma figura real e diabólica que praticava o canibalismo como parte de um ritual sombrio.

 

A investigação levou o detetive a explorar os círculos comerciais de Eildiana, revelando transações obscuras envolvendo artefatos mágicos, entre eles a temida Autumnkin Carvin Knife. Rumores de uma sociedade secreta que adorava Ferumbras começaram a emergir, adicionando uma camada adicional de complexidade ao caso.

 

Ging, compreendendo que a verdade estava escondida nas sombras da superstição e da magia, organizou uma reunião pública no DP central de Nighthaven. Suspeitos e membros da sociedade secreta foram convocados, onde o detetive habilmente apresentou suas conclusões.

 

A investigação levou o detetive às profundezas da terra, onde, nas catacumbas antigas e esquecidas, encontrou vestígios de um culto que realizava rituais macabros em honra a Ferumbras. O canibalismo, aparentemente uma prática arcaica, era utilizado para invocar poderes sombrios.

 

No clímax da noite, o detetive confrontou o feiticeiro demoníaco e seus seguidores poderosos. Seus generais Copycat Killers, inspirados por pura maldade, traçaram planos para estender suas maldições e uma carnificina generalizada por toda a mainland. O canibalismo, revelado como parte de um ritual sinistro, foi interrompido, e a justiça foi aplicada aos culpados.

 

Após impor a luz templária sagrada sobre as trevas profundas, Ging Freecs descortinou um artefato misterioso escondido na sala mais profunda das catacumbas labirínticas de Ferumbras. Era uma Palantir. Imediatamente, Ging percebeu que estava diante de um artefato muito poderoso e raríssimo, descrito no Spellbook of Dark Mysteries.

 

Ao tocar a Palantir, Ging Freecs sentiu a presença de uma pessoa inesperada. Era Maurício, o gentil barman de Nighthaven. No auge da noite, quando a tensão alcançou seu ponto máximo, o detetive revelou o verdadeiro culpado, desmascarando Maurício que buscava utilizar a adaga amaldiçoada para ganhos pessoais, expandindo seus negócios. O feiticeiro demoníaco Ferumbras, ao que parecia, era uma fachada habilmente empregada pelo ocultista para desviar a atenção.

 

Nighthaven, agora liberta das sombras que a assombravam, viu o detetive deixar a cidade para um novo caso em Paradise, levando consigo os segredos ocultos que ele desvendara. A história de Nighthaven tornou-se uma narrativa sombria entre seus cidadãos, marcando a cidade pela memória do mal que se escondia em suas ruas estreitas.



#10 OFFLINE   Kyle Scottfield

Kyle Scottfield

    Barão


  • Membro
    • Member ID: 39236
  • 108 posts
  • 19 topics
    • Tempo Online: 48d 11h 28s
  • Vocação:Elite Knight
  • Char:Between nightmares ™
  • Servidor:Perseus
  • Localização:𝕰𝖝𝖎𝖛𝖆 𝖆𝖊 𝖇𝖇!!

Postado 20 November 2023 - 19:07

Nome do personagem: Between Dreams
Título da História: O Incidente no Bar dos Betweens
História: 

 Em uma noite sombria de domingo, um Detetive renomado que se chama Willian, se aventurava pelos arredores de southshire, procurando pistas sobre um criminoso que estava fazendo ataques em todas as cidades, mandando seus capangas saquearem bares, lojas de magias e casas por todo continente de radbr. 

 esse criminoso se chama Copycat Killer, um homem terrível, que não liga para nada além de dinheiro, Willian estava explorando a cidade de southshire ate que falou com um vendedor que se chama Vicros

 

Willian - essa cidade está muito calma!! 

Vicros - sim, desde que essa onda de crimes começou ninguém que ficar na cidade, meus negócios estão indo de mal a pior!!!

Willian - esses criminosos ja chegaram a saquear sua loja ou de alguém por perto?!

Vicros - Sim, uns rapazes veio aqui quebro uma boa parte dos meus produtos e disse que se eu não pagar 50% dos lucros da minha loja, eles iriam voltar aqui e quebrar tudo!!

 

 Após conversar com Vicros, Willian foi procurar por mais um lugar que estava aberto para buscar informações do paradeiro desse criminoso.

ao descer uma escada, Willian se deparou com um bar aberto, ao entrar no bar sentou-se na cadeira e pediu uma cerveja ao atendente, ele o chamou e disse

Willian - você não tem medo de ficar atendendo nesse bar até essas horas com essa onda de crimes acontecendo?!

Atendente - quem não deve Não teme senhor Willian!!

Willian ficou espantado pelo atendente do bar saber seu nome e perguntou

Willian - Como vc sabe meu nome?!

Atendente - HAHA, Olhe ao redor você esta em um bar aqui as notícias rolam!!

Willian - ok, então vou ser direto esse bar tem alguma ligação com essa onda de ataque que esta acontecendo pela cidade?!

O atendente apenas olha para Willian e rir, indo atender a mesa ao lado.

 Willian então termina sua bebida, e deixa 3 cristal coim sobre o balcão e levanta da sua cadeira, mas assim que ele virou entrou um homem vestido todo de preto com o rosto coberto e o esfaqueou usando uma combat knifer, após fazer isso ele fala com o atendente 

de Logo um jeito nisso aquii!!

Atendente - ok, chefe!!

o rapaz diz a ele

Soube que você estava me procurando!!

Willian olha para cima, e diz ofegante, então você e o Copycat Killer?!!

Copycat - Sim, sou eu

Você falou com um dos meus capangas mais cedo, e foi assim que descobri que você estava aqui, já tem bastante tempo que estava atrás de você!!

Willian, perdendo muito sangue, tenta se apoiar a cadeira para levantar, mas sem forças cai ao chão, 

Copycat diz a ele: 

Não adianta tentar levantar, não deixaremos que saia desse bar 

Willian tenta chamar reforços pelo seu comunicador, mas era tarde de mais.

Ele já tinha perdido muito sangue e acabou morrendo ali mesmo.



#11 OFFLINE   Chibs

Chibs

    Ex-Membro


  • Ex-Membro
    • Member ID: 40039
  • 315 posts
  • 28 topics
    • Tempo Online: 151d 20h 3m 34s
  • Vocação:Wise Master Sorcerer
  • Char:Thunderstorm
  • Servidor:Perseus

Postado 20 November 2023 - 21:05

Nome do personagem: Thunderstorm

Título da História: A Morte do Thunderstorm (?)

História:

Eram sete da manhã do dia treze de novembro, e os moradores da cidade de Nighthaven, cidade dos vips, ricos, donos de um dos metros quadrados mais caros do continente RADBR, acordariam chocados com o assomboso boato do assassinato do mago Thunderstorm, que teria sido avistado ao chão próximo a saída superior da cidade às 5h. A cidade, uma vez tranquila, agora murmurava sobre os infames Bloody Baron Agonizantes, lacaios mais crueis do terrível líder A Copycat Killer, responsável por deixar seu rastro sangrento por onde passava.

Thunder havia sido trazido à cidade pelo duvidoso Capitão Batata, capitão do barco do porto de Wisland, cujo passado se entrelaçava com segredos obscuros, e em outrora teria sido seguidor fiel do terrível A Copycat Killer. O que não se sabia ainda, era o motivo do alvo específico.

Aproximadamente ao meio dia, as muralhas da cidade já sofriam na eminência da invasão dos cheios de vida imorríves anunciadores da morte Blood Barons Agonizantes, muitas vidas já haviam se perdido, eis que surge misteriosamente sem que ninguém percebesse como, o detetive Malgnarios, o qual retornou da sua mais recente viagem mística, com seu chapéu fedora e lupa na mão, a postos para elucidar esse crime.

Mas antes, Malgnarios precisaria ajudar a defender as muralhas da cidade dos invasores, lembrou-se bem do tempo anterior ao de detetive, e logo segurou a sua clava correndo em direção aos muros da cidade.

Mais guerreiros se juntaram a batalha, o mais rápido que puderam, de todos os lugares do continente, e a cidade de Nighthaven conseguiu repelir a invasão do terrível A Copycat Killer, antes do cair da noite, que recuou aos gritos de: - "Estou recuando mas já tive uma vitória! Esse continente ainda será meu!!!". Mas por quê A Copycat Killer queria o mago naquela hora e local?!

Malgnarios, astuto, percebeu que desvendar o mistério exigiria mais do que evidências superficiais: - “Não tinha corpo do Thunder”, disse ele, ao mesmo tempo em que sacou novamente a sua lupa e começou a investigar os corpos dos Bloody Baron Agonizantes mortos em batalha, descobrindo que tratava-se de um plano bem maior. Papéis, mapas, e contagens de exércitos foram descobertas no corpo de um certo general Bloody, e davam conta de postos avançados prontos para atacar em Ilhas Perdidas, Garath, Ghostship, e Ilhas norte e sul de Southshire, prováveis locais onde poderiam emboscar o mago.

O motivo?! Simples... Em um dos manuscritos havia escrito que Thunderstorm matou Pinhead, irmão mais novo do A Copycat Killer, na Sala do Caído Flagelo, no Plano da Tecelagem, no ano anterior. Na ocasião, ainda com o corpo de Pinhead no chão, arrancou do rosto a sua máscara: Weaving Regalia to the Cenokin e saiu comemorando o souvenir. A Copycat Killer, furioso, desde então, durante todo o ano, articulou com os mais nefastos monstros, além do mais desonroso barqueiro, a sua vingança e dominação sobre o continente.

Magnarios, agora líder oficial da resistência do continente,convidou todos os guerreiros prontificados a lutar a se unir com os Detectives Edpool e Ari, e acabar de vez com o A Copycat Killer. Edpool e Ari eram especialistas em descobrir as fraquezas das criaturas malígnas, e não seria diferente com o A Copycat Killer.

Mas o tempo era inimigo de todos, e o exército do mal só crescia e atacava cidades e vilas a medida em que os guerreiros se empenhavam na biblioteca de Edpool e Ari fazendo pesquisas sobre as fraquezas. O inevitável aconteceu: A biblioteca foi descoberta, invadida, e se tornou cenário da batalha final.

A Copycat Killer, confiante demais, não adentrou a biblioteca com muitos soldados, como costumava fazer com as invasões nas cidades, e não contava que estariam ali apenas os melhores e mais orgulhosos guerreiros do continente.

Foi uma luta terrível: Espadas, clavas, machados, flechas, magias de cura e de dano para ambos os lados, mas no fim, os guerreiros conseguiram derrotar todos os lacaios do A Copycat Killer, que se viu sem opção e correu em direção ao portal localizado no meio da sala para tentar empreender fuga.

Eis que nesse momento, ao mesmo tempo em que uma tempestade de raios começa a se formar no teto da biblioteca, o portal no centro da sala se fecha, e A Copycat Killer sussura com um medo profundo: - “Não é possível...”.

Mas sim, era possível, era o Thunderstorm, trajado de beggar, apoiado em seu cajado, que havia sido encontrado e socorrido por um dois druidas moradores de Nighthaven, que com auxílio de um Flying Book, o levaram para a biblioteca.

Nesse momento, sem ter para onde fugir, todos os guerreiros correram em direção do A Copycat Killer, com o conhecimento adiquirido na biblioteca de quais elementos usar nos ataques, o enfraqueceram, e por fim, A Copycat Killer caiu morto no chão.

A notícia logo correu, e só correu menos do que os seguidores do A Copycat Killer, que quase que imediatamente desapareceram nas profundezas, e seguem aguardando o retorno do seu mestre. Capitão Batata conseuguiu escapar e nunca mais foi visto. Até aparecer um capitão novo, o icônico Lixeiro do Depot gerencia um passeio de barco com open bar dentro do barco de Wisland, para prestigiar o por do sol no rio.

O continente, por hora livre do medo, ergueu-se das sombras, mas constará na história um ato sombrio, uma cicatriz na memória do Thunder, alertando que até mesmo um dos magos mais fortes pode sofrer um revés ou outro.


  • Amba Shepherd e Lixeiro do Depot curtiram isso

#12 OFFLINE   Gellert

Gellert

    Sábio


  • Membro
    • Member ID: 29156
  • 652 posts
  • 86 topics
    • Tempo Online: 191d 20h 41m 58s
  • Vocação:Knight
  • Char:Shaaka
  • Servidor:Perseus
  • Localização:Wisland

Postado 20 November 2023 - 22:53

Nome do personagem: Shaaka

Título da História: Sangue deve ser pago com sangue

História:

 

 Era uma noite fria em Nighthaven quando Edric percebeu que estava dentro de uma banheira, cuja água morna estava tingida de vermelho. Esse não era um episódio isolado. Na verdade, tal acontecimento tornara-se cada vez mais frequente. Edric fazia parte de uma guilda de caçadores experientes e muito ricos, porém os últimos meses não tinham sido fáceis.

  Infelizmente, seus locais de caça estavam lotados, inclusive o principal, das Fungisite Widows. Outras guildas, tanto rivais quanto aliadas, exerciam suas atividades nos mesmos lugares que a guild de Edric. O que antes fora extremamente lucrativo, agora tornara-se motivo de desavenças internas e muito estresse. Tal estresse, contínuo e intenso, começara a mostrar sinais no corpo do nosso protagonista. Edric sofria de episódios de desconexão da realidade. Para ele, não era incomum sair para caçar e retomar a consciência de si dentro de uma banheira ensanguentada, horas e horas após o início da caçada.

   Sendo assim, Edric já estava acostumado. Saiu da banheira e tentou relembrar com quem havia saído para caçar. Enquanto colocava suas vestes, lembrou: havia caçado com o seu melhor amigo, Hugo de Wisland. Hugo era um ex-comerciante de equipamentos que, vendo seus negócios afundarem, decidiu mudar para a profissão de caçador.

   Para o agrado de Edric, as caçadas com Hugo eram as únicas que de se tirava algum proveito. Saiu à procura do seu melhor amigo na sede da guilda, porém o que encontrou o deixou paralisado. Hugo estava morto.

  Edric encontrara Hugo na sala de equipamentos. Seu amigo pareceu ter sido morto após um episódio violento, mas que já havia passado horas, pois o corpo estava rígido. Nesse momento, tomado pela raiva, Edric jurou vingança. Pensou em diversas pessoas que poderiam ter assassinado Hugo. Griffith, Tudor, Wulfric… todos invejavam o sucesso de Hugo nas caçadas e já haviam tido desavenças com ele.

  Segurando a vontade de vomitar ao ver o cadáver do amigo, Edric resolveu investigar. Talvez o assassino tivesse deixado alguma pista. Era impossível não ter deixado algum rastro depois de uma briga com um guerreiro exímio como Hugo. O primeiro fato de que se deu conta foi: o assassino era algum membro da guilda. 

  Ninguém teria acesso à sede sem ser membro. A lista de Edric continuava intacta.

Engolindo o choque, Edric continuou observando. No chão, havia vísceras e muito sangue. Mas, para a sua surpresa, encontrou, ensanguentado, um anel.

  Esse anel não era atípico para Edric. Era o anel da guilda, o qual era semelhante ao Ring of the Sky, porém a jóia ilustrava o ranking do membro. Edric precisou limpar o sangue para ver a pedra, que, para a sua surpresa, era vermelha. O rubi era reservado para os caçadores experientes, ranking do qual Hugo fazia parte. Edric olhou a mão do seu falecido amigo e percebeu que seu anel ainda estava lá.

   Da lista, Griffith e Tudor ainda estavam sob suspeita. Wulfric foi descartado, pois, embora odiasse Hugo, usava o anel de esmeralda, um ranking menor.

  Edric resolveu ir até o bar mais próximo, onde era comum encontrar os membros da guilda durante as noites frias. Porém, como ainda não havia um suspeito único, resolveu não contatar os líderes, temendo que pudessem atrapalhar sua investigação. Chegando ao bar, encontrou Tudor. Edric foi tomado por uma raiva inexplicável. Podia estar diante do assassino do seu melhor amigo.

  Porém, ao se aproximar, observou a mão de Tudor sobre o balcão e notou que ele estava com seu anel. Restava apenas Griffith. Nesse momento, Edric foi tomado pela dúvida: o que deveria fazer? Acusar Griffith e arriscar um processo corrupto? Não. Hugo era seu amigo de infância. Sangue deve ser pago com sangue.

  Sentou ao lado de Tudor e perguntou onde poderia encontrar Griffith. Tudor estranhou, pois Edric não costumava conversar com ele, apenas durante as caçadas que eram obrigados a irem juntos. Porém, por mais que odiasse Hugo, Tudor tinha certa admiração pelo estilo de Edric. “Eu o vi algumas horas atrás, estava com um semblante diferente, parecia ansioso. Ele me disse que ia ao banco de Zanknore, já que os anões não costumam fechar seus negócios, nem à noite” - disse Tudor.

  Os fatos faziam sentido. Griffith devia ter ameaçado Hugo para que ele contasse sobre seu ouro guardado em Zanknore. Edric partiu às pressas. Chegando no banco de Zanknore, viu Griffith de saída, conversando com um membro de uma guilda rival.

  Esperou eles se despedirem e atacou Griffith. Embora de mesmo ranking, Edric era um guerreiro muito superior. Tomado pela raiva, deferiu um golpe sobre o abdômen de Griffith, enquanto gritava perguntando os motivos de matar Hugo daquela maneira tão brutal.

  Griffith não conseguia acreditar. Mesmo agonizando, disse que estava traindo a guilda passando informações para os rivais, mas que não era um assassino. Edric não entendeu. 

  Griffith o agarrou, tentou proferir umas palavras, mas em vão e morreu.

  Para a sua surpresa, Edric olhou as mãos de Griffith em sua roupa, e percebeu que o anel continuava em seu dedo. Nesse momento, o choque: Edric viu que o seu próprio anel sumira.

   Foi quando olhava para as suas mãos, que retomou a memória: fora de si, durante um período alheio à realidade, atacou o seu melhor amigo Hugo. Não havia motivos, apenas uma sede de matar que nunca lhe havia ocorrido antes.

  Ficou enojado, pálido, com o corpo tomado em suor e envergonhado. Não lhe restavam dúvidas do que fazer. Sacou sua Assassin Dagger do corpo de Griffith, olhou para o seu peito e pensou no que havia dito antes: “sangue deve ser pago com sangue”. No mesmo instante, se matou.



#13 OFFLINE   Vitoria Apolinario

Vitoria Apolinario

    Servo


  • Membro
    • Member ID: 24291
  • 27 posts
  • 1 topics
    • Tempo Online: 8d 10h 44m 49s
  • Vocação:Paladin
  • Char:Pollynarii

Postado 20 November 2023 - 22:59

Nome do personagem: Leo
Título da História: Alcatraz das Ilusões: A Teia do Destino de Benoit Blanc

Na cidade de Garath, conhecida por sua prisão mágica inexpugnável, três indivíduos improváveis estavam prestes a desafiar todas as probabilidades para escapar. Situada no coração da cidade, a prisão era conhecida por conter os piores tipos de criminosos, incluindo assassinos cruéis, ladrões habilidosos e outros transgressores. Com suas paredes reforçadas com magia e guardas vigilantes, poucos haviam ousado sonhar em escapar, mas esses três prisioneiros estavam determinados a provar que nada era impossível quando se tratava de liberdade.

Um deles era Benoit Blanc, um honrado detetive que foi injustamente incriminado por inimigos próximos ao governante de Garath, o Rei Garath. Eles orquestraram sua prisão naquela temida prisão mágica, acreditando que ali ele nunca mais seria capaz de investigar ou desvendar enigmas. No entanto, Benoit Blanc não estava sozinho em sua luta pela liberdade naquela prisão. Ao seu lado, estavam dois companheiros de cela igualmente determinados a escapar. A primeira era Lyra, uma ladra notória e mestra da fuga, que havia sido traída por seus próprios comparsas após um roubo audacioso. O segundo era Haldor, um lutador destemido cuja única fraqueza havia sido a lealdade cega ao seu senhor, um nobre corrupto que o havia arrastado para a prisão.

Juntos, Benoit Blanc, Lyra e Haldor formaram uma aliança improvável, unindo suas habilidades únicas e determinação inabalável para burlar as defesas mágicas da prisão de Garath. Com um plano meticuloso em mente, eles trabalharam secretamente durante meses, ganhando a confiança de outros prisioneiros e sutilmente minando a autoridade dos guardas.

Sob o manto da noite, Benoit Blanc, Lyra e Haldor iniciaram sua fuga da prisão de Garath, enfrentando um labirinto de corredores escuros e mágicos. O momento escolhido era perfeito, com os guardas distraídos pela agitação do festival anual. Lyra, com sua destreza inigualável, liderou o caminho, desarmadilhando as armadilhas mágicas com habilidade. Ela deslizava silenciosamente pelas sombras, revelando sua maestria como ladra ao desativar os feitiços que mantinham as portas trancadas. Haldor, o guerreiro destemido, protegia o grupo, mantendo os olhos atentos para qualquer sinal de perigo. Seu tamanho imponente e habilidades de combate o tornavam uma força a ser reconhecida, e ele estava determinado a assegurar que nenhum guarda se intrometesse em seu caminho. Benoit Blanc, o detetive injustamente encarcerado, usava sua inteligência aguçada para decifrar as pistas deixadas por Lyra sobre os encantamentos mágicos. Ele era a mente por trás da operação, garantindo que sua fuga fosse mais do que apenas um ato de desespero.

No momento culminante de sua fuga, quando estavam prestes a alcançar a liberdade, o cenário era de tirar o fôlego. O corredor escuro tremia com o eco dos passos apressados, enquanto o brilho tênue das tochas mágicas iluminava as expressões tensas dos fugitivos. A atmosfera estava carregada de eletricidade, e seus corações batiam descontroladamente.

Diante deles, surgiu o Guardião do Rei, uma figura colossal que emanava uma aura intimidante. Sua armadura reluzia à luz das tochas, e sua voz trovejante ecoava nas paredes de pedra. A batalha que se seguiu foi uma luta corpo a corpo feroz, com socos e golpes brutais sendo trocados em um turbilhão de ação. Haldor, com seu coração corajoso, enfrentou o Guardião com determinação, enquanto Benoit Blanc e Lyra usavam sua astúcia e habilidade física para superar o adversário. Cada movimento era uma demonstração de desespero e força de vontade. Enquanto o som da batalha preenchia o corredor, criando um tumulto ensurdecedor, a esperança e o medo se misturavam nos rostos suados dos fugitivos. Cada troca de golpes era um teste de resistência e determinação.

No entanto, apesar de seus esforços heróicos, o Guardião finalmente conseguiu dominar Haldor. Com um movimento habilidoso, ele o capturou e o arrastou de volta para a prisão, enquanto Benoit Blanc e Lyra escapavam por um fio. Os olhos cheios de tristeza testemunharam a perda de seu amigo, mas o desejo ardente de justiça e vingança continuou a arder em seus corações, alimentando a determinação de continuar.

No momento culminante da fuga, quando Benoit Blanc e Lyra estavam prestes a alcançar a liberdade, uma sensação de irrealidade começou a pairar sobre eles. O corredor escuro distorceu-se, as sombras dançaram de maneira estranha, e o Guardião do Rei desapareceu como se fosse fumaça. Uma risada sinistra ecoou pelos corredores, revelando a verdade sombria por trás de sua "fuga". Benoit Blanc, na verdade, era um mestre da ilusão e um assassino habilidoso. Ele havia manipulado meticulosamente a mente de Lyra e Haldor, criando a ilusão da fuga para testar suas habilidades e, ao mesmo tempo, satisfazer seu desejo por jogos mentais sádicos. No momento em que Lyra percebeu a verdade, uma expressão de horror se espalhou por seu rosto. Antes que pudesse reagir, Benoit desferiu um golpe fatal com a famosa Final Judgement, uma faca lendária conhecida pelos diversos assassinatos atribuídos a Benoit Blanc. A lâmina afiada brilhou à luz tênue das tochas mágicas, refletindo a traição cruel que acabava de ocorrer. Haldor, desorientado e traído, tentou resistir, mas estava indefeso contra a astúcia e crueldade de Benoit. A cena desmoronou lentamente, revelando um ambiente ilusório. Benoit Blanc, impassível diante da morte de Lyra, revelou-se como o verdadeiro mestre por trás dessa ilusão. A morte de Lyra desencadeou um estranho fenômeno, um retorno ao início da fuga, como se o tempo estivesse retrocedendo.

E assim, presos em um ciclo interminável, os eventos repetiram-se. Cada tentativa de fuga terminava da mesma maneira trágica, com Benoit Blanc revelando sua verdadeira natureza e Lyra encontrando a morte nas mãos da lendária Final Judgement. Haldor, condenado a reviver a traição e a perda repetidamente, via-se preso em um pesadelo sem fim. A cidade de Garath, alheia ao ciclo sombrio que ocorria nas profundezas de sua prisão mágica, permanecia envolta em sua própria realidade. O trio, condenado a repetir eternamente sua tentativa de fuga, tornou-se uma nota trágica na história da cidade, uma história que se repetiria infinitamente, sem esperança de redenção.

#14 OFFLINE   Leonardo Oliver

Leonardo Oliver

    Sacerdote


  • Membro
    • Member ID: 23653
  • 919 posts
  • 162 topics
    • Tempo Online: 566d 20m 26s
  • Vocação:Nenhuma
  • Char:Leo
  • Servidor:Todos
  • Localização:São Paulo.

Postado 20 November 2023 - 23:39

Nome do personagem: Bound To Her Bones

 

Almas na Penumbra: Entre o Crepúsculo e a Redenção

 

Capítulo 1: A Noite da Revelação
 
A lua cheia pairava no céu sobre Tanaris, envolvendo a cidade desértica em uma luz prateada e misteriosa. Na sala secreta da fraternidade PAX, os membros reuniam-se, incluindo os três Inquisitores - Arnaut, Deza e Arbues. A atmosfera carregava a tensão de segredos ocultos e deveres sombrios.
 
A reunião, no entanto, foi abruptamente interrompida quando o Inquisitore Arnaut, líder respeitado da PAX, foi encontrado morto em seu aposento. Seu corpo estava caído no chão, os olhos fixos em um ponto invisível, enquanto uma sombra nefasta dançava pelas paredes.O choque e a incredulidade se espalharam entre os membros da fraternidade. Arnaut, o caçador de demônios, cuja habilidade em desmascarar as criaturas das trevas era inigualável, agora jazia sem vida diante de seus próprios irmãos de armas.
 
Inquisitora Deza e Inquisitore Arbues, reconhecendo a gravidade do momento, trocaram olhares decididos. O assassinato do líder deles não podia ser ignorado. O destino da PAX estava em jogo, e a cidade de Tanaris parecia ecoar com o murmúrio de segredos inquietantes.
 
Capítulo 2: Sombras do Passado
 
Enquanto a notícia do assassinato de Arnaut se espalhava pelas ruas de Tanaris, um vento de apreensão soprava sobre a cidade desértica. Inquisitora Deza e Inquisitore Arbues, agora liderando a investigação, mergulharam nas sombras do passado do falecido líder.Durante suas pesquisas, descobriram que Arnaut estava envolvido em atividades proibidas, caçando criaturas que ultrapassavam os limites éticos da PAX. Entre os pertences do Inquisitore, encontraram registros de colaborações secretas com membros da fraternidade distante de Duskwood, conhecida pelos seus Accolyto, cujo treinamento em rituais antigos conferia a eles habilidades únicas.
 
A investigação levou Deza e Arbues a Duskwood, uma cidade envolta em neblina e sombras, onde os Accolyto seguiam suas tradições ancestrais. Os membros da PAX em Duskwood não escondiam sua desconfiança sobre as atividades de Arnaut, indicando que segredos obscuros estavam entrelaçados nas ações do líder falecido.
 
A trama se enredou ainda mais com a chegada de Signore Strighetto, o caçador de vampiros da linhagem sanguinária Bloody Baron, e Signore Kokos, o caçador de demônios, devotos de Baphometh, a Duskwood. Cada um alegava que o assassinato de Arnaut era resultado de uma conspiração envolvendo as criaturas sobrenaturais que dedicavam suas vidas a caçar. Entre os Accolyto e os caçadores de vampiros e demônios, Deza e Arbues enfrentaram desafios crescentes, esforçando-se para desvendar os segredos ocultos nas antigas tradições da PAX. A linha que separava aliados de inimigos começava a desvanecer, enquanto a cidade de Duskwood se transformava em um campo de batalha para forças que transcendiam a compreensão humana.
 
Capítulo 3: Aliados Inesperados

 

Ao retornarem a Tanaris, Deza e Arbues perceberam que a fraternidade PAX estava à beira da dissolução. A notícia das atividades proibidas de Arnaut havia desencadeado uma onda de desconfiança entre os membros, dividindo a lealdade daqueles que antes juravam proteger a humanidade contra as ameaças sobrenaturais. Enquanto investigavam os registros secretos de Arnaut, os Inquisitores descobriram que Signora Flammelia, uma figura respeitada na fraternidade, estava secretamente colaborando com o líder falecido em suas empreitadas proibidas. Flammelia, uma senhora de olhos intensos que dedicou a vida a caçar seres divinos e sagrados, parecia ter motivos próprios para se envolver nas atividades obscuras.
A revelação da traição de Flammelia lançou sombras sobre a lealdade de outros membros da PAX, enquanto a cidade de Tanaris ecoava com murmúrios de conspiração. Os Accolyto de Duskwood, inicialmente considerados aliados, agora enfrentavam o olhar desconfiado dos demais membros da fraternidade.
 
Com a fraternidade dividida, Deza e Arbues se viram obrigados a unir forças com Signore Strighetto, o caçador de vampiros imortal, e Signore Kokos, o caçador de demônios, para enfrentar uma ameaça que transcendia suas especialidades individuais. Juntos, eles mergulharam nas sombras do passado e confrontaram criaturas sobrenaturais que desafiavam a compreensão humana. A aliança entre os Inquisitores e os caçadores de vampiros e demônios foi selada em meio a uma cidade envolta em mistério, enquanto o destino da PAX e a verdade por trás da morte de Arnaut permaneciam ocultos nas sombras.

 

Capítulo 4: A Confrontação Final

 

À medida que os Inquisitores, caçadores de vampiros e demônios aprofundam sua investigação, confrontam Primo Signore Ashtammus em um antigo santuário oculto. Lá, revelações chocantes sobre o verdadeiro propósito dos "Magical Crests of Trust" emergem. Ashtammus, revelando sua verdadeira forma demoníaca, inicia um ritual para abrir o portal entre os mundos.
Em uma batalha épica, os protagonistas enfrentam as criaturas sobrenaturais convocadas por Ashtammus, enquanto tentam impedir o ritual. A lealdade de Flammelia é posta à prova quando ela se coloca entre Ashtammus e os Inquisitores, sacrificando-se para interromper o ritual. Seu ato heróico lança uma luz sobre seus verdadeiros motivos, e os Inquisitores percebem que ela estava tentando redimir-se.
Finalmente, os protagonistas conseguem derrotar Ashtammus, fechando o portal e banindo as criaturas das trevas de volta para o seu reino. Com a ameaça sobrenatural contida, a PAX recupera os "Magical Crests of Trust", e a fraternidade começa a se curar das feridas causadas pela traição.

 

Epílogo: Redenção nas Sombras

 

Com Ashtammus derrotado, os Inquisitores e seus aliados enfrentam o desafio de reconstruir a PAX e restaurar a confiança entre os membros. A traição de Arnaut é entendida como um ato desesperado para salvar a fraternidade, e sua memória é honrada.
Os Accolyto de Duskwood, anteriormente desconfiados, oferecem uma aliança mais forte, reconhecendo a verdadeira ameaça que uniu os dois grupos. A cidade de Tanaris começa a se recuperar da influência das trevas, e a reputação da PAX é restaurada.
Enquanto a PAX emerge das sombras, os Inquisitores refletem sobre as lições aprendidas. A linha entre bem e mal, aliados e inimigos, tornou-se tênue, e eles compreendem a complexidade do mundo sobrenatural que juraram proteger. A fraternidade, agora mais forte do que nunca, enfrenta o futuro com uma compreensão renovada de seu propósito e uma determinação para manter as sombras à distância.
Entretanto, no último instante do epílogo, quando a PAX se prepara para uma nova era de vigilância, uma sombra sutil se move nos cantos mais obscuros da sala de reuniões. Uma mensagem criptografada é encontrada entre os pertences de Ashtammus, indicando que forças ainda mais antigas e sombrias estão observando e planejando. Uma nova ameaça se aproxima, sugerindo que as verdadeiras origens da PAX e seu papel no mundo sobrenatural estão longe de serem totalmente revelados.
 
O epílogo conclui com os Inquisitores, caçadores de vampiros e demônios olhando para o horizonte, prontos para enfrentar qualquer ameaça que possa surgir. O equilíbrio entre as forças sobrenaturais e a humanidade permanece delicado, mas a PAX permanece como guardiã nas sombras, protegendo o mundo contra o desconhecido. O início de uma nova batalha se insinua no horizonte, e a fraternidade se prepara para enfrentar um mal ainda mais antigo e insidioso.


#15 OFFLINE   naoki

naoki

    Servo


  • Membro
    • Member ID: 12491
  • 29 posts
  • 0 topics
    • Tempo Online: 11d 15h 31m 17s

Postado 20 November 2023 - 23:59

Nome do personagem: Killer Toy
Título da História: Detetive Carecaney

História:  Halloween de Zanknore

 

Numa noite sombria de outubro, a floresta de zanknore estava mergulhada na atmosfera mágica e sinistra do Halloween. O vento sussurrava segredos, as folhas dançavam ao redor como espectros brincalhões, e a lua cheia derramava sua luz fantasmagórica sobre a cidade. Em meio às festividades, um mistério sinistro pairava no ar.

Killer Toy, residente no Castelo de zanknore, era conhecida por suas trapaças e ligação peculiar com o oculto. Boatos de rituais estranhos e encontros com seres sobrenaturais circulavam há gerações. Neste Halloween, a mansão tornou-se palco de um evento macabro.

O patriarca, Razar, decidiu sediar uma festa exclusiva para a elite do RadBr. Convidados mascarados percorriam os corredores da mansão, enquanto uma aura de suspense crescia. No entanto, a atmosfera festiva logo se transformou em pânico quando um grito ecoou pelos salões.

O corpo de um Polyphemus, morador local, foi descoberto no salão principal. Seu rosto estava contorcido em agonia, e sua mão segurava uma carta com símbolos estranhos e enigmáticos. Os convidados, inicialmente entorpecidos pelo horror, logo se dividiram entre os que queriam fugir e os que ansiavam desvendar o mistério.

O Carecaney conhecido por suas habilidades extraordinárias em casos obscuros, foi chamado para investigar. Ele percebeu que os símbolos na carta eram parte de um antigo ritual ligado à mitologia de hades. A cidade, apesar de civilizada, mantinha vínculos com uma era ancestral de bruxaria e mistérios ao seu Norte.

Durante a investigação, Carecaney desvendou segredos sombrios sobre o passado de Killer Toy. Descobriu-se que ele era guardiã de um artefato poderoso, capaz de conceder a quem o possuísse um controle inimaginável sobre as forças sobrenaturais de zanknore. Polyphemus, obcecado pelo poder, buscava apoderar-se do artefato e usá-lo para seus próprios fins.

À medida que Carecaney mergulhava mais fundo nas sombras da mansão, ele desvendava uma teia complexa de traições e alianças obscuras. Os convidados da festa estavam envolvidos em uma trama de ganância e ambição, cada um com seus próprios motivos para desejar o artefato.

A noite avançava, e Carecaney sentiu a presença sobrenatural se intensificar. A mansão ganhou vida, e as paredes sussurravam segredos esquecidos. Ele percebeu que o verdadeiro assassino não era apenas um player, mas uma guild inteira despertada pela ganância e pelo desequilíbrio causado pela busca do poder.

Ao confrontar Razar, ele confessou a verdade oculta. O artefato era uma Drunou Armor para manter as forças sobrenaturais em equilíbrio, e a ganância de Polyphemus ameaçava liberar o caos de zanknore.

A mansão estremeceu quando Carecaney, equipado com sua Master Archer's Armor enfrentou a entidade despertada. Em uma batalha épica entre o sobrenatural, ele conseguiu vencer a criatura novamente, restaurando a ordem em zanknore.

Na manhã seguinte a cidade volto a normalidade, com o mistério do assassinato resolvido. O Halloween deixou de ser apenas uma festa para se tornar parte da história de zanknore, uma cidade onde o passado e o presente dançam juntos nas sombras, esperando serem descobertos.


  • Saay Wink curtiu isso

#16 OFFLINE   Triss

Triss

    Duque


  • Colaborador
    • Member ID: 45431
  • 199 posts
  • 52 topics
    • Tempo Online: 3d 22h 32m 14s
  • Vocação:Paladin
  • Char:(CM) Triss
  • Servidor:Perseus

Postado 23 November 2023 - 23:23

tjc2Bj0.png

 

 

Agatha Christie que se cuide! facebook-eyes-symbol.png

 

Mistérios e suspense foram canetados com muita excelência nessa Temporada do Horror...

...Mas aqui não vai ter suspense para descobrirmos os próximos sucessores de Agatha Christie, com um toquinho de Edgar Allan Poe - os grandes campeões da edição Murder Mystery: Halloween 2023 do Concurso de Histórias RadBR!

 

Preparem as lupas e o fôlego pra esses mistérios de temporada!  :OO2:

 

 

 

5XEobJj.png

 

Posição: #1

Nome da História: Alcatraz das Ilusões: A Teia do Destino de Benoit Blanc

Nome do Personagem: Leo

Nome do Usuário Inscrito: Vitoria Apolinario

 

Premiação:

 

 

 

 

 

G3cXX86.png

 

Posição: #2

Nome da História: O Drama de Wisland

Nome do Personagem: Tyrion

Nome do Usuário Inscrito: Masorque

 

Premiação:

  • C6ybaNo.png  Pumpkin Mummy Outfits [Full Addons] (VIP);
  •  Loremaster_Doll.gif  Doll of a Grimm Loremaster personalizado;
  •  Tibiacity_Encyclopedia.gif Tales of a Storyteller personalizado;
  • Achievement achievement-star.gifachievement-star.gif Murder You Wrote;
  • mmC1Qxg.png 666 Boo's Clues;  

 

 

 

 

 

k2Szw52.png

 

Posição: #3

Nome da História: Maldição, Sangue e Ambição: mistérios na escuridão de Nighthaven.

Nome do Personagem: Ging Freecs

Nome do Usuário Inscrito: Ging Freecs

 

Premiação:

  • PsnAv7S.png  Pumpkin Mummy Outfits [Sem Addons] (VIP);
  •  Loremaster_Doll.gif  Doll of a Grimm Loremaster personalizado;
  •  Tibiacity_Encyclopedia.gif Tales of a Storyteller personalizado;
  • Achievement achievement-star.gifachievement-star.gif Murder You Wrote;
  • mmC1Qxg.png 333 Boo's Clues;  

 

 

 

 

 

4bV72ay.png

 

Posição: Menção Honrosa

Nome da História: Almas na Penumbra: Entre o Crepúsculo e a Redenção

Nome do Personagem: Bound To Her Bones

Nome do Usuário Inscrito: Leonardo Oliver

 

Premiação:

  •  Loremaster_Doll.gif  Doll of a Grimm Loremaster personalizado;
  •  Tibiacity_Encyclopedia.gif Tales of a Storyteller personalizado;
  • Achievement achievement-star.gifachievement-star.gif Murder You Wrote;
  • mmC1Qxg.png 66 Boo's Clues;  

 

 

 

 

 

7JVSu15.png

 

Posição: Menção Honrosa

Nome da História: Sangue deve ser pago com sangue

Nome do Personagem: Shaaka

Nome do Usuário Inscrito: Gellert

 

Premiação:

  •  Loremaster_Doll.gif  Doll of a Grimm Loremaster personalizado;
  •  Tibiacity_Encyclopedia.gif Tales of a Storyteller personalizado;
  • Achievement achievement-star.gifachievement-star.gif Murder You Wrote;
  • mmC1Qxg.png 66 Boo's Clues;  

 

 

 

 

 

JXvpCvS.png

 

Posição: Menção Honrosa

Nome da História: A Morte de Paulo

Nome do Personagem: Anonymity

Nome do Usuário Inscrito: Anonymity

 

Premiação:

  •  Loremaster_Doll.gif  Doll of a Grimm Loremaster personalizado;
  •  Tibiacity_Encyclopedia.gif Tales of a Storyteller personalizado;
  • Achievement achievement-star.gifachievement-star.gif Murder You Wrote;
  • mmC1Qxg.png 66 Boo's Clues;  

 

 

 

 

 

Ufa... De deixar qualquer leitor na beiradinha do assento esperando pela resolução desses contos!
Dá até vontade de fazer uma edição de histórias mais longas, né? facebook-eyes-symbol.png Imaginem a qualidade dos contos, que já são de ficar na meia-luz devorando as palavras, com mais espaço pra deixar nossos brilhantes seguidores de Agatha Christie brilhar?  :sorrisopulando:

 

Parabéns a todos nossos escritores de mistério e whoddunits... Vocês mereceram seus lugares na Academia Radiana de Letras!    :cerva:

 

 

Atenciosamente,

Equipe RadBR


  • Leonardo Oliver, Masorque e Lixeiro do Depot curtiram isso




0 usuário(s) está(ão) lendo este tópico

0 membro(s), 0 visitante(s) e 0 membros anônimo(s)